A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

06/10/2016 10:19

Feto é encontrado no baú de moto e polícia apura se adolescente fez aborto

Caso ocorreu na manhã de hoje na reserva indígena de Dourados; adolescente escondeu gravidez e pretendia enterrar a criança

Helio de Freitas, de Dourados
Equipe do Conselho Tutelar em casa da aldeia Bororó (Foto: Osvaldo Duarte/Dourados News)Equipe do Conselho Tutelar em casa da aldeia Bororó (Foto: Osvaldo Duarte/Dourados News)

A Polícia Civil vai abrir inquérito para investigar se uma adolescente de 17 anos de idade provocou o aborto da criança que estava esperando, para esconder a gravidez dos pais. O fato ocorreu na manhã de hoje (6) em Dourados, a 233 km de Campo Grande.

O feto foi encontrado no baú de uma moto Honda Biz quando a mãe se preparava para enterrar o filho na aldeia Bororó. Um enxadão foi encontrado próximo à moto e os vizinhos acreditam que a adolescente usaria a ferramenta para abrir a cova. Ela nega e diz que o aborto foi espontâneo.

Os pais da adolescente afirmam que não sabiam da gravidez da filha. A menor foi levada para o HU (Hospital Universitário) e está internada.

De acordo com informações apuradas por policiais e conselheiros tutelares que foram ao local, a suspeita é que a menor tenha provocado o aborto e pretendia enterrar a criança para que os pais não soubessem da gravidez. Entretanto, ela o aborto foi descoberto e ela não conseguiu sair da casa com o feto.

Foi a mãe da adolescente que percebeu quando a filha colocou o feto no baú da moto e a levou com o bebê para o hospital, mas a criança já estava morta.

O capitão da aldeia Bororó, Gaudênio Benitez, disse que a comunidade espera providências da polícia e da Justiça. “Isso é homicídio, já era um bebê, uma vida”, disse ele à rádio Grande FM.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions