ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 22º

Interior

Foragido da Gameleira, integrante de facção é capturado na fronteira

Jhonatan Gemenes Goulart estava foragido desde maio e foi recapturado em Pedro Juan Caballero

Helio de Freitas, de Dourados | 20/09/2022 09:33
Foragido recapturado na fronteira mostra tatuagem na mão (Foto: ABC Color)
Foragido recapturado na fronteira mostra tatuagem na mão (Foto: ABC Color)

Foragido da Justiça com passagens pela polícia desde quando era adolescente e réu em pelo menos quatro comarcas de Mato Grosso do Sul, Jhonatan Gemenes Goulart, 25, foi recapturado em território paraguaio. Segundo a polícia do país vizinho, ele faz parte da facção carioca Comando Vermelho.

Jhonatan estava foragido do complexo da Gameleira, em Campo Grande, desde maio deste ano. Ele cumpria pena de 5 anos e 10 meses por tráfico de drogas e após a fuga passou a morar no centro de Ponta Porã, a 313 km da Capital.

Na noite de domingo (18), Jhonatan circulava pela linha internacional, em Pedro Juan Caballero, quando foi abordado por homens da Polícia Nacional no bairro Bernardino Caballero. Pelas tatuagens que ele tem na mão e nos braços, os policiais suspeitaram que se tratava de integrante de facção.

O Comando Vermelho também atua na fronteira do Paraguai com Mato Grosso do Sul. Apesar de não ter na região o mesmo poder de fogo e o controle territorial do rival PCC (Primeiro Comando da Capital), a facção carioca controla algumas rotas de tráfico, principalmente na região das cidades-gêmeas Capitán Bado e Coronel Sapucaia.

Jhonatan foi entregue a policiais militares de Ponta Porã e levado para uma cela na 1ª Delegacia de Polícia Civil. Na ficha criminal, o homem aparece como réu em processos nas comarcas de Ponta Porã, Bandeirantes, Campo Grande e Ivinhema, onde foi condenado por tráfico, em agosto de 2020.

Nos siga no Google Notícias