ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  16    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Furto de cabos de energia da Sanesul ameaça abastecimento de cidade

Parte da região central e do Neri Lima ficaram sob risco de desabastecimento; caso foi o segundo em poucos dias

Por Humberto Marques | 17/07/2018 18:52

O furto de cabos de energia elétrica em um dos poços da Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) em Rio Brilhante –a 163 km de Campo Grande– deixou parte da zona urbana sob o risco de ficar sem água nesta terça-feira (17). O desabastecimento era uma ameaça, principalmente, em parte da região central e do bairro Neri Lima. Foi o segundo caso de furto de cabos na cidade em poucos dias.

Foram levados do local cerca de 80 metros de cabos, segundo informações do site Rio Brilhante em Tempo Real. Os fios ligavam os equipamentos da concessionária à rede elétrica. Diante da dificuldade, a Sanesul advertiu sobre o risco de falta de água durante a tarde. O sistema seria reparado por uma equipe de Dourados.

Os ladrões saltaram a cerca do poço, desligaram a energia e cortaram os cabos –que costumam ser vendidos para reciclagem. A Polícia Civil investigará o caso. Foi o segundo caso semelhante na cidade em poucos dias: entre a madrugada de sexta-feira (13) e a noite de segunda (16), a sede da Associação Maçônica Osvaldo Rodrigues Simões, no Centro.

Neste caso, conforme os administradores, os invasores escalaram um muro lateral, arrombaram a porta dos fundos e, com um espeto, estouraram o acesso à sala onde está a caixa de energia. Foram cortados cerca de 100 metros de fios. As autoridades advertem que a compra de fios elétricos oriundos de furto é considerada crime de receptação.

Nos siga no Google Notícias