A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019

01/09/2018 09:37

Homem é autuado ao avisar sobre local de blitz em grupo de Whatsapp

Suspeito tirou fotos das abordagens e alertou amigos, mas entre eles havia um policial

Ricardo Campos Jr.

Um homem de 24 anos foi autuado por “vazar” no Whats App a localização de uma blitz durante a noite de sexta-feira (31) em Brasilândia, a 355 quilômetros de Campo Grande. O caso foi descoberto porque havia um policial no grupo onde o suspeito postou o alerta aos amigos.

Segundo o boletim de ocorrência, os agentes abordavam os veículos na esquina das ruas Doutor Teixeira de Carvalho e Almeida Arthur Hoffig quando avistaram o homem, que é conhecido por ter várias passagens, tirando fotos da ação.

Mais tarde, eles descobriram a imagem no aplicativo com a legenda “quem estiver errado, corta volta”.

No registro, os policiais destacam que “ao alertar sobre os locais onde há policiamento ostensivo e blitz, se presta um desserviço à população, e usar as redes sociais para esse fim é um delito que pode ser enquadrado em atentado contra a segurança ou funcionamento de serviços de utilidade pública”.

Para esse crime, o Código Penal Brasileiro prevê prisão de um a cinco anos e multa.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions