A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Setembro de 2017

13/12/2011 19:06

Homem morre após ser espancado e filho de 18 anos é suspeito

Nadyenka Castro

O auxiliar de serviços gerais Luís Carlos de Barros Flores, 51 anos, deu entrada na Santa Casa dia 21 de novembro com vários ferimentos e morreu no último sábado.

O auxiliar de serviços gerais Luís Carlos de Barros Flores, 51 anos, morreu no último sábado, na Santa Casa de Campo Grande, onde estava internado com ferimentos causados por espancamento. O filho dele, de 18 anos, é suspeito das agressões.

De acordo com registro policial, Luís Carlos envolveu-se em uma briga com o filho, no distrito de Vista Alegre, em Maracaju, município distante 160 quilômetros de Campo Grande.

Durante a briga, o rapaz desferiu diversas pedradas no pai, que deu entrada na Santa Casa da Capital no dia 21 de novembro e morreu por volta das 19h30min do último sábado.

Segundo o delegado responsável pela investigação, João Paulo Natali Sartori, a mãe do suspeito entrou em contato com os policiais e informou que o filho irá se apresentar.

Luís Carlos já teria sido agredido pelo filho pelo menos outras duas vezes. Em uma delas, o rapaz também teria quebrado telhas da residência da família.

Em outro episódio, em junho do ano passado, após ser agredido, o homem desferiu uma facada no filho, que ficou com ferimento de 25 centímetros no braço e antebraço.

Pai e filho- Luís Carlos já foi preso em flagrante por homicídio doloso (com intenção de matar), em 2002.

Além das brigas com o pai, o rapaz já se envolveu em outras duas agressões à mulheres diferentes, ambas em julho do ano passado, quando ainda era adolescente.

Uma delas aconteceu em um bar do distrito e resultou em briga generalizada que destruiu diversos objetos do estabelecimento comercial.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions