A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 30 de Março de 2017

03/10/2011 16:22

Corpo que tinha cocaína no estômago é enterrado sem identificação

Viviane Oliveira

A hipótese é que uma das cápsulas tenha se rompido e provocado a morte da vítima por overdose

As cápsulas de droga foram encontradas no estômago do homem. (Foto: divulgação)As cápsulas de droga foram encontradas no estômago do homem. (Foto: divulgação)

Foi sepultado o homem que morreu após ingerir 52 cápsulas de cocaína, em Corumbá, cidade distante 419 quilômetros de Campo Grande. Como estava em adiantado estado de putrefação, o corpo foi enterrado no Cemitério Chamma como indigente.

De acordo com o site Diário Online, todos os procedimentos periciais para identificá-lo foram feitos pelo setor de perícia da Polícia Civil do município.

O homem buscou internação no hospital de Corumbá na última quarta-feira (28), mas morreu horas depois. O corpo ficou no necrotério do hospital até sexta-feira (30), quando foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal). As cápsulas de droga foram encontradas no estômago do homem.

A hipótese é que uma das cápsulas tenha se rompido e provocado a morte da vítima por overdose. A Polícia acredita que o homem tinha nacionalidade colombiana.

O diretor clínico do hospital de Corumbá, Marco Antônio Cazzolato, disse que foi aberto procedimento administrativo pela instituição para apurar os motivos pelos quais o corpo permaneceu três dias no necrotério hospitalar.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions