A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

16/07/2012 09:53

Idoso é morto pelo colega e fica com faca cravada no tórax

Nadyenka Castro

Vítima também foi degolada. Autor falou sobre o crime ao responsável pela fazenda e fugiu

Durante discussão sobre dívida, Manoel Pereira dos Santos, 62 anos, foi morto a facadas, na noite desse domingo, em uma fazenda de São Gabriel do Oeste, município que fica a 140 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com registro policial, ele e Osni dos Santos, 41 anos, ingeriam bebidas alcoólicas no alojamento onde moravam e em um determinado momento discutiram sobre uma dívida de R$ 20.

Segundo boletim de ocorrência, Osni pegou a faca de Manoel e deu vários golpes. Um causou corte profundo na garganta, degolando Manoel. Em outro golpe, a faca ficou cravada no tórax do trabalhador.

Osni Santos contou sobre o crime ao responsável pela fazenda dizendo “que havia feito uma besteira”, ligou para a namorada e fugiu. Ele ainda não foi localizado.

Justiça dá 45 dias para INSS realize perícias médicas em cidades do MS
O INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social) terá que realizar perícias médicas obrigatória para a concessão de benefícios previdenciária em no m...
Homem fica em estado grave ao atirar na ex-mulher e tentar se matar
Um homem de 50 anos tentou se matar, atirando na própria cabeça após disparar tiros contra a sua ex-mulher, de 46 anos. O caso aconteceu em Laguna Ca...



quanta violência
seu Manoel era um homem de familia, criou todos os filhos muito bem...
sempre trabalhou em fazenda ja estava bem debilitado, magrinho, fraco a vontade dos filhos é que ele viesse embora mas não aceitava morar na cidade, Esse cara foi um monstro, mas a justiça de Deus é certa ela não falha.
 
Jeanes camargo em 16/07/2012 10:29:58
Manoel Pereira dos Santos, era o 'nosso' Pará! Vi meus filhos crescerem andando atrás dele na fazenda... prá lá e prá cá! Era amigo, companheiro, e zelava por todos nós! Amava a fazenda e nem em brincadeira pensava em ir embora! Pará era um homem alegre, educado e que adorava o 'mato', como ele mesmo dizia! Cidade é coisa que 'prá mim não serve mais'! Descanse com Deus amigo! Você vai fazer falta!
 
Ana Cláudia Duarte Ferreira em 16/07/2012 03:34:25
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions