A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019

28/08/2019 09:23

Incêndios na Bolívia já consumiram 1 milhão de hectares

Segundo governo boliviano, incêndio agora está mais concentrado em municípios próximos de Mato Grosso

Silvia Frias
Brigadistas no combate aos incêndios na Chiquitania (Foto/Divulgação: Ministério da Defesa)Brigadistas no combate aos incêndios na Chiquitania (Foto/Divulgação: Ministério da Defesa)

As equipes de combate a incêndio na Bolívia conseguiram controlar o fogo nos municípios de Roboré, Otuquis, Tucavaca e San Ignacio de Velascos, na região de Chiquitania, no departamento de Santa Cruz, região de fronteira com o Brasil.

De acordo com informações do jornal La Razón, cerca de 1 milhão de hectares foram afetados pelos incêndios nas últimas semanas.

O incêndio ainda está sendo fortemente combatido nos municípios de Concepción, mais próximo na fronteira do Brasil por Mato Grosso e San Matías, 100 km de distância de Cáceres (MT). Hoje, mais 400 militares seriam enviados a essas regiões para auxiliar no trabalho dos brigadistas.

Até então, os focos de incêndios aproximavam-se da região de fronteira do país por Mato Grosso do Sul, chegando a encobrir Corumbá e Ladário com a fumaça. A situação ainda é de alerta, já que somente tem previsão de chuva considerável no dia 31 de agosto.

Além do Boeing Supertanker, dois helicópteros peruanos com capacidade de carga de 3,5 mil litros de água também estão sendo usados no combate aos incêndios.

Na última semana, o fogo atingiu San Rafael, Charagua, Puerto Busch, San Ignácio e San Rafael, todos na região de Chiquitania. Parte desses municípios são considerados patrimônio tombado pela Unesco desde 1991, por conta importância histórica, decorrente da presença de jesuítas entre 1696 e 1760.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions