A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 27 de Junho de 2017

17/10/2011 17:18

Indígena é morto a paulada em aldeia por dívida de gasolina

Nadyenka Castro

De acordo com registro policial, Alzir Vargas, 23 anos, não pagou pelo combustível e acabou morto

O indígena Alzir Vargas, 23 anos, foi morto a paulada por volta das 20h30min desse domingo, na aldeia Tey Kaue, em Caarapó, a 283 quilômetros de Campo Grande, por causa de uma dívida de gasolina.

De acordo com registro policial, Alzir era morador em Dourados e foi para Caarapó em uma motocicleta.

O combustível da moto acabou quando ele estava na aldeia. O índio comprou a gasolina de Zelindo Lescano, 23 anos, e de outro homem de 26 anos.

Alzir não pagou o combinado pelo combustível e, após uma discussão, foi morto com uma paulada na parte de trás da cabeça.

Zelindo e o outro autor arrastaram o corpo até perto de uma cerca e o abandonaram. No bolso de Alzir foi encontrada uma pequena quantidade de maconha.

Zelindo foi preso em flagrante e o outro envolvido não tinha sido preso até o início desta tarde.

TJ-MS segue com vagas em seleção para estagiários de Direito
O TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) continua com inscrições abertas para processo seletivo de estagiário de Direito. As vagas são par...
Relatório do TCE constata obras pagas e paralisadas em escolas públicas
Relatório apresentado nesta segunda-feira, 26, pela conselheira Marisa Serra, do TCE/MS (Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul), revela situação d...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions