A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Junho de 2017

05/07/2013 21:35

Indígena que foi espancada em Caarapó morre no Hospital Vida

Mariana Lopes

A indígena Enilda Martins, 30 anos, que foi encontrada na última terça-feira (2), na MS-156, em Caarapó, com sinais de espancamento e estupro, não resistiu aos ferimentos e morreu ontem no Hospital da Vida, em Dourados.

Ela morava na Aldeia Guararoká, em Caarapó, e no dia do crime foi encaminhada para um hospital da cidade. Porém, o quadro de saúde dela se agravou e foi necessário encaminhá-la para Dourados.

A vítima foi encontrada descordada em uma estrada vicinal próxima à aldeia Guayroka, que fica no distrito de Cristalina, em Caarapó. Ela estava inconsciente e com a bermuda na altura dos joelhos, além de apresentar vários ferimentos no rosto.

A polícia investiga o caso e o principal suspeito pelo crime está foragido. (Com informações do Dourados News)




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions