A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

29/05/2019 23:20

Justiça Federal barra venda da usina UFN3 no interior de MS

Em nota a Petrobras informou que irá tomar as medidas cabíveis em “prol dos seus interesses e de seus investidores”.

Adriano Fernandes
Usina quando ainda estava em fase de edificação. (Foto: Divulgação)Usina quando ainda estava em fase de edificação. (Foto: Divulgação)

A Justiça Federal barrou mais uma vez o processo de venda da Unidade de Fertilizantes Nitrogenados III (UFN3) em Três Lagoas, cidade a 338 quilômetros de Campo Grande. O impasse sobre o futuro da usina que nunca sequer chegou a operar, mesmo com investimento bilionário, data desde o início das obras da unidade em 2011, mas que travaram três anos.

Em nota divulgada na noite desta quarta-feira (29) a Petrobras informou que foi intimada da decisão da Justiça Federal do Rio de Janeiro “que concedeu liminar, em ação popular, determinando a suspensão do processo de venda de 100% de sua participação acionária na Araucária Nitrogenados S.A. (Ansa) e de sua Unidade de Fertilizantes Nitrogenados III (UFN-III)”.

A UFN3 chegou a ser dada como vendida para os russos do grupo Acron, que previam retomar a obra no início deste ano. A negociação ainda se viu ameaça por liminar do ministro Marco Aurélio, mas que foi derrubada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli.

Contudo, a Petrobras informou que irá tomar as medidas cabíveis em “prol dos seus interesses e de seus investidores”. A planta da usina que chegou a receber investimento de R$ 4 bilhões deveria produzir 3,6 mil toneladas de ureia e 2,2 mil toneladas de amônia por dia.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions