A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Novembro de 2017

28/04/2012 11:10

Mulher é presa 30 dias após começar a vender maconha e crack

Nadyenka Castro

Após denúncia, policiais perceberam movimentação de usuários de drogas no local

A PM (Polícia Militar) prendeu na noite dessa sexta-feira, em Nova Andradina, a 300 quilômetros de Campo Grande, uma mulher de 49 anos que estava vendendo maconha e crack.

A Polícia foi informada de que na residência localizada na rua Elizeu Ribeiro Silva funcionava um ponto de comercialização de drogas.

Policiais foram até o local e viram usuários de drogas. Diante da situação, militares entraram na casa e lá apreenderam celular, dinheiro, munição e porções de crack e de maconha.

A responsável pelo imóvel, Rosivani Ribeiro da Silva, confessou a venda dos entorpecentes. Conforme registro policial, ela disse que tinha começado a vender drogas há um mês.

Durante abordagem, passageiro de ônibus finge passar mal e foge
Passageiro de ônibus fingiu passar mal para fugir da polícia, neste domingo (19), deixando para trás mala com maconha e os próprios documentos em Dou...
Travesti encontrada morta tinha 22 anos e foi reconhecida pelas amigas
Foi identificada como Wiris de Souza Santos, 22 anos, conhecida como Vitória, a travesti encontrada morta com nove facadas, por volta das 5h deste do...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions