ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  21    CAMPO GRANDE 24º

Interior

Operação busca quadrilha que traficava maconha em caixões

Policiais cumprem mandados em Mato Grosso do Sul, Goiás e Brasília, depois de apreensão de droga vinda de Ponta Porã

Ângela Kempfer | 10/12/2020 10:41
Carro de funerária aprrendido em junho, quando ia de Ponta Porã para Goiás. (Foto: Divulgação)
Carro de funerária aprrendido em junho, quando ia de Ponta Porã para Goiás. (Foto: Divulgação)

Operação com 40 policiais federais tenta desarticular quadrilha que transportava drogas em caixões e carros de funerárias. Mandados de busca e também de prisão foram expedidos pela Justiça de Jataí (GO), com alvos em Ponta Porã, além de Porangatu (GO), Rio Verde (GO), Campo Verde (MT) e Brasília.

Caixões abarrotados de maconha, apreendidos em Jateí. (Foto: Divulgação)
Caixões abarrotados de maconha, apreendidos em Jateí. (Foto: Divulgação)

A investigação começou em junho deste ano, quando motorista de 22 anos foi preso na BR-060, em Jataí, vindo de Mato Grosso do Sul com 287 quilos de maconha dentro de caixões. Ele fingia se tratar de trasporte de vítimas da covid-19 que seriam sepultadas em Goiás. O carro fúnebre tinha, inclusive, logo de funerária. Os caixões eram lacrados e envolvidos em plástico.

Hoje, na "Operação Caixão" cumpre dez mandados de busca e apreensão e quatro de prisão. Informações não oficiais indicam que uma pessoa foi presa em Ponta Porã;

A suspeita é que as drogas seriam levadas para detentos de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital.

O esquema usava a pandemia para impor medo aos policias durante a fiscalização. Os motoristas da quadrilha diziam que por “precaução”, os caixões não poderiam ser abertos.

Veja o vídeo do flagrante de junho:



Nos siga no Google Notícias