A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 19 de Outubro de 2019

08/02/2019 08:59

Pistoleiros de Minotauro presos na fronteira são levados para Assunción

Os 14 homens e uma mulher foram presos ontem pela polícia paraguaia em Pedro Juan Caballero, onde traficante tinha até um sistema de monitoramento da cidade por câmeras

Helio de Freitas, de Dourados
Os pistoleiros de Minotauro presos ontem em Pedro Juan Caballero (Foto: Divulgação)Os pistoleiros de Minotauro presos ontem em Pedro Juan Caballero (Foto: Divulgação)

Os 14 homens e uma mulher, presos ontem (7) acusados de fazer parte da quadrilha do narcotraficante brasileiro Sergio de Arruda Quintiliano Neto, o Minotauro, foram levados na noite desta quinta-feira para Assunción, capital do Paraguai.

São 12 brasileiros, um cidadão paraguaio, outro que tem identidade dos dois países e uma mulher de nacionalidade paraguaia. Eles são suspeitos de várias mortes na fronteira, ordenadas por Minotauro.

O grupo estava com armamento pesado, grande quantidade munição, celulares, rádios de comunicação e dezenas de carros, alguns blindados. As prisões foram feitas em seis casas em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã (MS), a 323 km de Campo Grande.

Até um sistema de monitoramento por câmeras foi descoberto pela polícia. Através da internet, o traficante – preso segunda-feira (4) em Balneário Camboriú (SC) – podia acompanhar até mesmo movimentação das ruas centrais de Pedro Juan Caballero.

Os 14 homens passaram a noite em um departamento da Polícia Nacional na capital paraguaia com segurança reforçada. A única mulher do grupo, Mariza Estela Salinas Benítez, foi levada para uma ala feminina da polícia.

Os suspeitos são apontados como integrantes da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) colocados sob o comando de Minotauro para eliminar inimigos da quadrilha na fronteira.

Os brasileiros foram identificados como Emerson Roni Marques de Souza, 26, Ailton Botelho dos Santos, 34, Rodrigo Rocha de Araújo, 22, Renan Canteiro, 29, Wilson Carlos Torres Quadros, 37, Rafael de Souza, 24, Felipe Diogo Fernandes Dias, 24, Julio Cesar Gomes, 28, Deny Junior Mendes Moura, 30, Mike Vinicius Lima Nascimento, 22, Tiago Henrique Lima Fernandes, 26, e Luciano De Souza Martinez, 25.

Também foi preso Marcos Paulo Valdez Pereira, que tem documentos brasileiros e paraguaios. Além da mulher, apenas um paraguaio foi preso, William Benjamin Gonzalez Salinas, 20.

Ônibus foi usado para transportar “soldados” de narcotraficante (Foto: ABC Color)Ônibus foi usado para transportar “soldados” de narcotraficante (Foto: ABC Color)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions