ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SEXTA  24    CAMPO GRANDE 24º

Interior

Polícia encontra marcas de tiro e sangue em carro abandonado por pistoleiros

Alvo dos criminosos, Eliston Aparecido Pereira da Silva morreu quando era levado para o hospital

Por Helio de Freitas, de Dourados | 16/02/2024 10:43
Alvo de atentado dentro de Fiat Toro, antes de ser levado ao hospital (Foto: Direto das Ruas)
Alvo de atentado dentro de Fiat Toro, antes de ser levado ao hospital (Foto: Direto das Ruas)

A polícia encontrou marcas de tiros e sangue no Volkswagen Fox prata, usado por pistoleiros que atacaram um casal na manhã desta sexta-feira (16) em Dourados, a 251 km de Campo Grande. Alvo do atentado, Eliston Aparecido Pereira da Silva, 51, trocou tiros com os matadores, mas foi atingido por ao menos 13 disparos e morreu quando era levado para o hospital.

A mulher de Eliston, que estava com ele na picape Fiat Toro, também atirou na direção dos pistoleiros. Duas pistolas Glock 9 milímetros com os carregadores vazios e travadas (indicado terem sido usadas recentemente) foram apreendidas na residência do casal.

Pelo menos um dos três pistoleiros que estavam no Fox foi atingido pelos tiros. Além das manchas no carro, a polícia encontrou uma luva suja de sangue perto do veículo, abandonado pelos criminosos nos fundos do antigo Dourados Park Hotel, a 1.500 metros do local do atentado.

Fox usado por pistoleiros, abandonado nos fundos do antigo Dourados Park Hotel (Foto: Leandro Holsbach)
Fox usado por pistoleiros, abandonado nos fundos do antigo Dourados Park Hotel (Foto: Leandro Holsbach)

De acordo com as primeiras informações levantadas pela polícia, o ataque ocorreu quando Eliston e a mulher chegavam em casa, na Rua Reinaldo Bianchi, perto da Vila Militar, no Jardim Santa Fé, região oeste da cidade.

A principal suspeita é que os pistoleiros estavam seguindo o casal. Quando Eliston abriu o portão para entrar na garagem com a Fiat Toro, o Fox se aproximou e os ocupantes começaram a atirar na direção dele.

Atingido várias vezes durante a troca de tiros, Eliston ainda conseguiu entrar com o carro na garagem. Ao ver o marido ferido, a mulher pegou uma pistola e também atirou na direção dos matadores. Ela não foi atingida.

Depois, a mulher retirou o marido do banco do motorista, o colocou no banco do carona e o levou ao Hospital Santa Rita, na área central da cidade. Eliston chegou morto ao local. Policiais civis e militares fazem buscas para localizar os pistoleiros. Eliston Aparecido Pereira da Silva era proprietário de uma empresa de manutenção de máquinas industriais, com sede em Guarulhos (SP).

Luv a suja de sangue encontrada perto do local ond carro foi abandonado (Foto: Leandro Holsbach)
Luv a suja de sangue encontrada perto do local ond carro foi abandonado (Foto: Leandro Holsbach)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas  redes sociais.

Nos siga no Google Notícias