A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 19 de Agosto de 2019

03/06/2019 08:44

Polícia investiga assassinato de homem encontrado espancado em lago

Corpo foi localizado ontem na aldeia Jaguapiru, em Dourados; polícia suspeita que morte tenha ocorrido após briga em festa

Helio de Freitas, de Dourados
Policiais no local onde corpo foi encontrado na tarde de ontem (Foto: Dourados News)Policiais no local onde corpo foi encontrado na tarde de ontem (Foto: Dourados News)

A Polícia Civil investiga o assassinato de um homem ocorrido na tarde de ontem em Dourados, a 233 km de Campo Grande. O corpo foi encontrado em um lago nos fundos de uma chácara ao lado da Aldeia Jaguapiru, habitada por índios das etnias terena e Guarani-Kaiowá. A vítima foi identificada pela liderança da aldeia apenas por Felismar.

De acordo com a ocorrência, a polícia foi acionada pelo capitão da Aldeia Jaguapiru, Gaudêncio Benites. O corpo estava dentro do lago e os policiais não encontraram vestígios de sangue na margem, o que levanta a suspeita de que o homem tenha sido morto em outro local e jogado ali ou perseguido e espancado pelo assassino dentro do lago.

Felismar levou vários golpes no rosto e na cabeça, possivelmente com um pedaço de pau. Moradores da aldeia informaram que no sábado, por volta de 17h, o homem foi visto nas proximidades do Bar “Bolicho Taquara”, conhecido por vender bebida alcoólica aos índios, inclusive a menores.

O dono da chácara onde o corpo foi encontrado contou aos policiais que Felismar já tinha trabalhado no local como diarista e sempre era visto com outras pessoas tomando banho no lago e consumindo bebida.

A polícia suspeita que Felismar tenha sido morto após uma briga na festa que aconteceu sábado em uma casa da aldeia na mesma região onde o corpo foi encontrado. A Polícia Civil ainda aguarda mais informações da Funai para identificar a vítima.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions