A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

25/03/2016 09:29

Preso no interior de MS, suspeito de matar perita do trabalho em SP

Viviane Oliveira

Foi preso em Cassilândia, distante 418 quilômetros de Campo Grande, José Correia Neto, acusado de matar a tiros, uma perita da Justiça do Trabalho há 8 anos, em Santo Amaro, São Paulo. 

Conforme o site Cassilândia Notícias, José usava nome falso e estava morando há 7 anos na cidade, onde tinha uma empresa. Na noite da última quarta-feira (23), o homem foi preso pela Polícia Federal de Jales, onde seria apresentado à Justiça Federal de São Paulo.

O crime - Em dezembro de 2008, a perita Célia Maria Galbetti, 44 anos, foi assassinada a tiros nas costas dentro da ótica Mirage, em Santo Amaro, zona sul de São Paulo, de acordo com o jornal Extra.

O motivo da visita dela no local era dar andamento a uma ação, movida em 1995 por uma ex-funcionária de José Correia. A perícia tinha como objetivo saber sobre o movimento financeiro da ótica para que a Justiça pudesse fixar um valor indenizatório a ser pago. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions