A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Janeiro de 2019

27/03/2017 07:33

Presos irmãos acusados de sequestro, assalto e tortura no MT

Elci Holsback
Acusado confessou o crime (Foto: Edição MS)Acusado confessou o crime (Foto: Edição MS)

Foram presos ontem (26) no assentamento Vale do Taquari, em Coxim - distante 260 km de Campo Grande, dois irmãos, acusados de assaltar, sequestrar e torturar vítimas na cidade de Nobres (MT). 

Além de Creuza Silva, 30 anos e Claudinor da Silva, 22, conhecido como "Pretote", a investigação da Polícia Civil também chegou a dois adolescentes que estão envolvidos nos crimes, segundo informações do site Edição MS.

Os adolescentes tem 15 e 16 anos, foram ouvidos e entregues ao Conselho Tutelar. Além de Creuza e Claudemir, já presos, há ainda uma terceira irmã, Clarice da Silva, que fugiu ao perceber a movimentação da polícia. De acordo com os investigadores, a prisão dela deve acontecer em breve. As investigações descobriram que ela é garota de programa e presta serviços entre os municípios de Coxim e São Gabriel do Oeste.

Todos os presos estão com mandado de prisão e serão levados para os Estabelecimentos Penais, ele em Coxim e ela em São Gabriel do Oeste. A polícia pede ajuda para tentar localizar o paradeiro de Clarice, qualquer informação pode ser levada de forma anônima à delegacia.

Crimes - Os envolvidos assaltaram um taxista no dia 18 de fevereiro de 2017 usando uma faca. Depois de render a vítima, ela foi colocada dentro do porta-malas. Com isso, eles partiram para o crime principal, que era sequestrar uma jovem.

No mesmo dia eles renderam a vítima, mantiveram em cárcere privado onde ela foi torturada. Entre as agressões estão o corte de cabelo com uma faca, várias queimaduras com cigarro, além de lesões causadas de várias formas.

Após o sequestro e tortura, ela teve as roupas rasgadas e foi abandonada no matagal. Durante todo esse tempo o taxista foi mantido no carro, que depois foi abandonado. Poucos dias após o crime a polícia do estado vizinho chegou a identidade dos envolvidos, mas não conseguiu prender ninguém.

Na delegacia de Coxim, o acusado de 22 anos confessou os crimes e contou que ele e as irmãs fizeram tudo isso porque a jovem estava convivendo com seu ex-cunhado e maltratava os sobrinhos do trio, porém, essa informação não foi confirmada pela polícia.

 

Casal é agredido por ladrões durante assalto em praça no Tiradentes
Um casal foi agredido a coronhadas por dois ladrões durante um assalto sofrido na Praça Canindé, no Bairro Tiradentes, em Campo Grande, na noite dest...
Bandidos furam vítima com seringa durante tentativa de assalto no Centro
Um rapaz de 32 anos foi ferido com uma seringa durante um assalto na madrugada desta terça-feira (21), na Avenida Ernesto Geisel, no Centro de Campo ...


Tem que pegar esse dois e degolar sem dó e piedade.
 
fabiano santos em 27/03/2017 09:12:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions