ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SEGUNDA  17    CAMPO GRANDE 33º

Interior

Projeção indica que Rio Paraguai pode atingir menor nível desde 1910

Nesta terça-feira (28) a altura registrada foi de -34 centímetros na régua de Ladário

Por Clayton Neves | 28/09/2021 17:09
Imagem mostra bancos de areias às margens do Rio Paraguai, causadas pelo baixo nível de água. (Foto: Toninho Ruiz/Arquivo)
Imagem mostra bancos de areias às margens do Rio Paraguai, causadas pelo baixo nível de água. (Foto: Toninho Ruiz/Arquivo)

Enquanto a região do Pantanal enfrenta uma das piores secas das últimas cinco décadas, projeção do Serviço Geológico do Brasil indica que neste ano, a régua do Rio Paraguai, em Ladário, pode atingir o menor nível desde outubro de 1910, quando chegou a 48 centímetros negativos.

Pelo levantamento, a previsão para o dia 1° de outubro é de -37 centímetros. No dia 8, o nível do rio pode cair para 44 centímetros e, entre os dias 15 e 22 de outubro, bater a marca de 48 centímetros negativos.

Segundo o Centro de Hidrografia e Navegação do Oeste, nesta terça-feira (28) a altura registrada foi de -34 centímetros na régua de Ladário, superando a 32 centímetros negativos dos dias 23 e 25 de outubro do ano passado.

“Os modelos começam a indicar a tendência à estabilização do nível d’água em algumas estações. Considerando que para as próximas semanas, as precipitações previstas na bacia serão pouco significativas, o rio Paraguai continuará a apresentar a tendência ao declínio do seu nível, principalmente a partir da estação de Ladário e a jusante da mesma”, informa boletim do Serviço Geológico do Brasil .

O maior ciclo de seca registrado no Pantanal foi de dez anos consecutivos (1964 a 1973). Nesse ciclo, o nível mínimo foi de 61 centímetros abaixo do zero da régua, ocorrido em 1964, segundo a Embrapa Pantanal.

Dados do  CPRM mostram que três das cinco vazantes mais rigorosas em Ladário aconteceram em setembro e duas em outubro. Em 1964, o rio alcançou a menor marca, chegando aos -61 centímetros no mês de setembro. Em 1971,  também no mês nove, mediu -57 cm. Em 1967 alcançou -53 cm em outubro, dois anos depois, em 1969, a régua registrou os mesmos -53 centímetros em setembro.

Por fim, a quinta maior vazante aconteceu em 1910 com -48 centímetros no mês de outubro.


*Com informações do Diário Corumbaense

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário