A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

05/11/2015 17:27

Receita Federal apreende 250 quilos de mercadoria ilegal em operação

Renata Volpe Haddad
A ideia da Receita Federal de Corumbá foi pegar de surpresa quem já estivesse sabendo da operação. (Foto: Anderson Gallo/ Diário Corumbaense)A ideia da Receita Federal de Corumbá foi pegar de surpresa quem já estivesse sabendo da operação. (Foto: Anderson Gallo/ Diário Corumbaense)

A Receita Federal de Corumbá, distante 419 km de Campo Grande, antecipou a operação Brasil Integrado Centro- Sul e realizou abordagens na noite de quarta-feira (4) no posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal), onde foram apreendidos dentro de um ônibus, 250 quilos de mercadoria contrabandeada da Bolívia.

O auditor fiscal Erivelto Alencar, contou ao site Diário Corumbaense, que como a operação iria começar às 7h desta quinta-feira, (5), a ideia foi antecipar. "Iniciamos antes porque se alguém já estivesse sabendo da operação, provavelmente essa pessoa iria querer passar antes, então o objetivo era pegar de surpresa”, explicou.

Desde às 07h, a Receita Federal e o Exército estão realizando fiscalização na fronteira de Corumbá com a Bolívia. São 30 militares e 10 servidores da Receita trabalhando no Posto Esdras.

Conforme o tenente-coronel Wilson Velasques, comandante do 6º Batalhão da Polícia Militar do município, ficou definido em reuniões antecipadas, que cada órgão cuidasse de determinada função a ser realizada nesta operação. "Cada unidade é incumbida de fazer uma função e a operação não tem data para encerrar, mas é uma ação de curto prazo. Essa operação é a nível nacional e todos os tipos de ilícitos estão sendo combatidos. A ação está sendo realizada por terra, água e ar”, comentou ao Diário Corumbaense.

A operação tem intuito também de fiscalizar documentação de veículos em diversos pontos da cidade. (Foto: Anderson Gallo/ Diário Corumbaense)A operação tem intuito também de fiscalizar documentação de veículos em diversos pontos da cidade. (Foto: Anderson Gallo/ Diário Corumbaense)

Operação - O GGI-Fron Corumbá (Gabinete de Gestão Integrada da Fronteira), órgão vinculado à Secretaria Nacional de Segurança Pública, iniciou hoje (05) a Operação Brasil Integrado Centro-Sul, que não tem data definida para ser concluída.

Com objetivo de combater crimes em toda a região de fronteira, como contrabando, descaminho e tráfico de drogas, a operação tem o intuito também de fiscalizar veículos em diversos pontos da cidade quanto à questão da documentação.

As barreiras ocorrem ainda nas estradas vicinais e rodovias, como a BR-262, na entrada de Corumbá, e na Ramão Gomez, que dá acesso à fronteira com a Bolívia.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions