A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

15/09/2016 11:30

Ribeirinhos encontram corpo de homem que estava desaparecido há 3 dias

Renata Volpe Haddad

O corpo de Eduardo Joaquim de Arruda, de 44 anos, foi encontrado boiando na manhã desta quinta-feira (15) por moradores da região da Codrasa, que fica a 20 minutos de barco do porto de Ladário, distante 419 km de Campo Grande. O homem estava desaparecido desde segunda-feira (12).

Segundo informações do site Diário Corumbaense, o irmão de Eduardo, Adriano Arruda, contou à polícia que Eduardo sofria de problemas mentais e costumava sair frequentemente, mas sempre retornava para casa no final do dia. Segundo os bombeiros que fizeram o resgate, as condições do corpo indicavam que ele estava há pelo menos dois dias no rio Paraguai. As equipes de busca e salvamento do 3º Grupamento que realizaram o resgate.

Após Eduardo não retornar para casa, começaram as buscas pela região e de acordo com Adriano houve a informação de que o irmão teria sido visto, com outra pessoa, descendo a ladeira do porto de Ladário, o que não foi confirmado pelos moradores da região durante as buscas. “Nunca soubemos que ele vinha aqui para a beira do rio, ele tinha medo”, alegou.

Três casos em 15 dias - Este é o terceiro caso do mês relacionado a acidente no rio Paraguai. No dia 1º de setembro, o piloteiro Leonel Santiago de Souza, de 55 anos, desapareceu após colisão entre embarcações na região do Aterradinho, no rio Negrinho. O corpo foi localizado dois dias depois, a uma distância aproximada de 15 quilômetros do local, depois de boiar e ser levado pela correnteza.

O segundo caso aconteceu no dia 06 de setembro, após o trabalhador fluvial José Rodrigues Dias, 60 anos, cair de uma embarcação nas proximidades da Baía do Saracura. Ele foi encontrado seis dias depois em uma área distante cerca de 3 quilômetros de onde aconteceu o acidente.

Desde o início do ano, o 3º Grupamento do Corpo de Bombeiros já resgatou sete corpos de pessoas que sofreram acidentes em rios da região pantaneira, sendo seis casos no rio Paraguai e um no rio Negrinho.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions