A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Janeiro de 2018

10/12/2015 15:45

Sobe para 119 o número de casos suspeitos de febre Chikungunya

Caroline Maldonado
Equipes do Setor de Controle e Combate a Endemias de Três Lagoas continuam com ações de combate ao mosquito no fim do ano (Foto: Divulgação)Equipes do Setor de Controle e Combate a Endemias de Três Lagoas continuam com ações de combate ao mosquito no fim do ano (Foto: Divulgação)

Em 20 dias subiu de de 116 para 119 os casos de notificação por suspeita da febre Chikungunya, em Mato Grosso do Sul. Dos pacientes, um foi notificado em Três Lagoas e dois em Aquidauana. Eles aguardam resultados dos exames para saber se realmente estão com o vírus.

Em Três Lagoas, a paciente que tem sintomas da doença é uma mulher de 48 anos, moradora do Bairro Jardim das Paineiras. Ela veio do Estado da Bahia e já havia contraído a doença, segundo a responsável pelo setor de saúde do município, Neide Yuki. De acordo com a prefeitura, as equipes do Setor de Controle e Combate a Endemias continuam com ações para combater o mosquito transmissor da doença. 

Por enquanto, o vírus foi confirmado em um paciente de Campo Grande, um de Dourados e 6 de Corumbá, segundo Boletim Epidemiológico, divulgado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde). Dois dos casos confirmados em Corumbá são de pessoas que vieram da Bolívia. Um dos pacientes da Capital contraiu o vírus na Colômbia e em Dourados, um deles também pegou a doença na Bahia. 

Sintomas – A Chikungunya dá febre de início súbito maior que 38,5°C e dor intensa nas articulações, acompanhada ou não de inchaço. Em alguns casos, as dores articulares permanecem por meses e até anos.

Em caso de suspeita é recomendado que o paciente mantenha repouso, tome muito líquido, como por exemplo, água, suco de frutas, soro caseiro, chás, água de coco e sopas, além de procurar uma unidade de saúde e evitar a exposição a mosquitos.

O mosquito transmissor da Chikungunya é o mesmo da Dengue e Zika. Para evitar a proliferação, a SES recomenda que todos os objetos expostos às chuvas, que possam acumular água sejam descartados.

Prefeitura realiza hoje dia D contra a dengue, chikungunya e zika vírus
Hoje, a Prefeitura de Campo Grande faz o Dia D de Combate à dengue em Campo Grande. A ação será a partir das 8h com blitz educativa e com abraço simb...
Dia D contra a dengue, chikungunya e zika vírus será na próxima sexta-feira
O Dia D de Combate à dengue em Campo Grande será na sexta-feira (4), a partir das 8h com blitz educativa e com abraço simbólico do Mercado Municipal....


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions