ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  29    CAMPO GRANDE 11º

Interior

Transtornada, mulher tenta desenterrar corpo de ex-namorado em cemitério

Situação aconteceu neste domingo, um dia após morte de rapaz

Karine Alencar | 05/09/2022 09:27
Cemitério Santa Cruz, em Corumbá, onde túmulo foi violado (Foto: Divulgação)
Cemitério Santa Cruz, em Corumbá, onde túmulo foi violado (Foto: Divulgação)

Jovem de 21 anos precisou ser retirada à força do Cemitério Santa Cruz, no município de Corumbá, a 419 quilômetros de Campo Grande, ao tentar desenterrar o corpo do ex-namorado.

A situação aconteceu neste domingo (4), um dia após o sepultamento do homem. Conforme apurado pelo jornal local, Diário Corumbaense, o zelador da unidade flagrou a mulher destruindo a coroa e plantas da sepultura enquanto bebia uma garrafa de vodka.

Segundo o tio dele, o homem já havia terminado o relacionamento antes de falecer, mas a mulher não aceitava a separação. Ao chegar no local, o tio do rapaz conversou com ela e a levou para casa. Segundo a mãe da jovem, no dia da morte a menina tentou tirar a própria vida.

Furto – Caso semelhante ocorreu em fevereiro de 2019. Mas neste caso o furto se concretizou. José Gomes Rodrigues violou o túmulo de Rosilei Potronieli, companheira por 20 anos, em Dois Irmãos do Buriti, e levou o corpo para uma chácara em Campo Grande.

Em depoimento, ele disse que o “resgate” foi um cumprir um “pacto de amor eterno”. “Quem morresse primeiro buscaria o outro para ficar junto para sempre”, relatou o primo, Edson Maciel Gomes, que participou do furto.

Conforme as investigações, os dois viajaram da Capital até Dois Irmãos do Buriti de carro e na madrugada, por volta das 2h, usaram cordas e um carrinho de mão do próprio cemitério para retirar o corpo da mulher, que havia sido seputaldada há poucas horas.

Nos siga no Google Notícias