ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SÁBADO  27    CAMPO GRANDE 29º

Interior

Trio é preso após roubar conveniência usando submetralhadora

Assalto ocorreu nesta tarde em Pedro Juan Caballero; fronteira de MS com Paraguai enfrenta onda de roubos; lotérica em Ponta Porã também foi assaltada hoje

Por Helio de Freitas, de Dourados | 24/07/2018 17:53
Moradores de Pedro Juan Caballero cercam viaturas da polícia após prisão de assaltantes (Foto: Porã News)
Moradores de Pedro Juan Caballero cercam viaturas da polícia após prisão de assaltantes (Foto: Porã News)

A onda de assaltos continua nas cidades-irmãs Pedro Juan Caballero, no Paraguai, e Ponta Porã (MS), a 323 km de Campo Grande. Moradores da região marcada por assassinatos, principalmente pela disputa entre quadrilhas rivais, agora enfrentam o medo de serem assaltados tanto na ruas quanto em casa e nas lojas.

Na manhã desta terça-feira (24), um desconhecido atirou nas costas de um cidadão paraguaio que acabara de roubar a moto de uma mulher no lado brasileiro e se preparava para cruzar a fronteira.

Agora à tarde, três assaltantes foram presos após tentarem assaltar a conveniência La Fortaleza 24 Horas, na Avenida Mariscal Lopez, a poucos metros do território brasileiro. Eles usavam uma submetralhadora e um revólver e estavam em duas motos, mas foram alcançados pela polícia e presos em flagrante.

Para apoiar o trabalho da polícia, centenas de moradores se aglomeraram no local e cercaram as duas viaturas. Alguns se aproximaram para tirar foto dos três assaltantes colocados na carroceria.

Horas antes, bandidos armados invadiram uma lotérica em Ponta Porã, também perto do território paraguaio. O assalto foi gravado pelo sistema de segurança, como mostra o vídeo abaixo.

A polícia suspeita que os três homens presos após assaltarem a conveniência tenham sido os autores do roubo na lotérica.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário