A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

19/02/2008 12:16

Jacini diz que ritmo de obras na colônia penal está bom

Redação

As obras da Colônia Penal Agrícola foram visitadas na manhã desta terça-feira pelos secretários Osmar Jeronymo, (Governo) e Wantuir Jacini (Justiça e Segurança Pública). O secretário Jacini avaliou como bom o ritmo das obras, mesmo com a preocupação com as chuvas, segundo o site oficial de notícias do governo de Mato Grosso do Sul. Hoje, 502 internos cumprem pena no regime semi-aberto no local.

Jacini classificou a obra como paliativa e disse que 60 internos participam dos trabalhos. O prêmio é a remissão de um dia de pena para cada três trabalhados. Os dois pavilhões vão abrigar 250 pessoas cada. O projeto prevê, ainda, a construção de um alojamento para 16 policiais militares.

O novo presídio será construído na saída de Sidrolândia, em uma área de 50 hectares que já está em fase de desapropriação. No local, conforme o secretário, serão construídas três presídios, sendo uma feminina, um presídio de regime fechado que vai atender jovens de 18 a 24 anos e a nova instalação do semi-aberto, esta última com capacidade para mil internos.

Também participaram da vistoria o diretor-presidente da Agepen, Hilton Villasanti Romero, o comandante geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, coronel Geraldo Garcia Orti, o juiz da 2ª Vara de Execuções Penais de Campo Grande, Vitor Luiz Oliveira Guibo, a promotora da Vara de Execuções Penais, Luciana Moreira Schenk de Almeida e o diretor de Operações da Agepen, Luis Alberto Ojeda.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions