A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Janeiro de 2018

26/06/2008 12:25

Juiz causa polêmica ao mandar apreender cadeira de rodas

Redação

Uma decisão do juiz da 18ª Zona Eleitoral de Dourados causou polêmica entre os eleitores da cidade. O magistrado José Carlos de Souza determinou na semana passada que a PF (Polícia Federal) cumprisse o mandato de busca e apreensão na casa da família Navachisk, por causa de uma cadeira de rodas.

O objeto apreendido era usado por Estanislau Navachisk, de 79 anos. De acordo com o juiz, a decisão foi baseada na investigação do Ministério Público, após denúncia de que a cadeira, teria sido doada por um candidato. O crime de compra de voto teria sido caracterizado porque a cadeira tinha adesivos com o nome do candidato.

A família ficou revoltada com a ação da PF.

Em MS, 196.191 condutores podem pedir CNH digital gratuitamente
Dos 1.134.551 condutores habilitados em Mato Grosso do Sul, 196.191 já possuem a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) com QR Code e podem solicitar...
Ladário é a primeira cidade a receber Carreta da Justiça em 2018
O calendário de viagens da Carreta da Justiça, projeto do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), foi retomado nesta segunda-feira (22), c...
Prefeitos mobilizam Assomasul por adiamento do ano letivo no Estado
Com estradas destruídas pela chuva, prefeitos de 21 municípios pressionam a Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) para requerer...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions