A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

13/10/2009 16:54

Justiça manda índios saírem da BR 163; eles permanecem

Redação

A Justiça Federal determinou a saída das 50 famílias indígenas da etnia guarani-kaiowá que moram às margens da BR 163, entre Dourados e Rio Brilhante. O prazo de retirada expirou na última sexta-feira (9), mas as famílias continuam no local.

A administradora regional da Funai (Fundação Nacional do Índio), Margarida Nicoletti, disse ao site Dourados Agora que as famílias não têm para onde ir.

Há 15 dias que elas estão às margens da rodovia, desde que a Justiça determinou a saída da fazenda Santo Antonio de Nova Esperança, em Rio Brilhante. Elas alegam que a área é tradicionalmente indígena.

Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions