A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

04/07/2008 08:41

Laudo deve apontar se adolescente morta estava grávida

Redação

A Polícia Civil de Dourados aguarda resultado de laudo que vai mostrar se a adolescente Dilma de Oliveira Moraes, de 15 anos, morta a pedradas na noite de quarta-feira, em Dourados, estava ou não gestante.

O industriário Nilson Barbosa Melgarejo, de 21 anos, confessou o crime e disse que resolveu matar a jovem porque ela teria ameaçado contar para a esposa dele que estava grávida. Os dois teriam um caso.

Familiares da menina disseram que não conheciam Nilson, mas confirmaram que há cerca de 15 dias um homem em uma moto buscava a garota em casa. Ela teria inclusive dito à irmã que estava

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions