A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

05/09/2010 18:11

Médicos querem que desvio na saúde seja crime hediondo

Redação

Diante das notícias de desvio de verba em Dourados, a Associação Médica fez um ofício pedindo para que a bancada federal altere a legislação para transformar em crime hediondo qualquer desvio, uso indevido ou má gestão dos recursos destinados à saúde pública.

"Quem desvia recursos da saúde (...) não deveria ser considerados apenas um simples 'ladrão', mas também um 'assassino', alguém que representa um grave risco para a sociedade. Consideramos, portanto, que é urgente que se tomem providências no sentido de coibir tal prática espúria, que tem provocado resultados tão nefastos principalmente sobre a população de menor poder aquisitivo", diz trecho do documento entregue ao deputado federal Geraldo Resende (PMDB), de acordo com o site Dourados informa.

A Polícia Federal descobriu na semana passada um esquema de fraudes em licitações e pagamento de propina em Dourados. O setor da saúde foi um dos mais prejudicados. De acordo com o denunciante Eleandro Passaia, foram desviados R$ 2 milhões por mês somente da saúde, desde que os atos ilegais e imorais tiveram início.

Ontem, em seu primeiro dia como prefeito interino, o juiz Eduardo Machado Rocha fez uma reunião com pessoas da área e ficou espantado com a situação encontrada. "

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions