A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

18/06/2010 18:38

Menino de 5 anos teria sido abusado em escola da Capital

Redação

Uma menina de 4 anos e um menino de 5, que estudam numa escola particular de Campo Grande, foram abordados na tarde de ontem, dentro do estabelecimento de ensino, por um homem que teria cometido abuso sexual contra o garoto. Os pais das crianças procuraram a Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), nesta tarde, para registrar a denúncia.

De acordo com Regina Márcia Rodrigues de Brito Mota, delegada que investiga o caso, os pais do menino disseram que seu filho foi levado a um banheiro da escola por um homem. Ele teria passado a mão do pênis do garoto e quando a criança ameaçou chorar, o autor deu uma bala à ela, mas não chegou a praticar ato sexual.

Este mesmo homem teria empurrado a menina até o banheiro, com o objetivo de cometer algum tipo de abuso, mas a cena foi vista pela mãe e tia da garota. Elas perguntaram o que estava acontecendo e a criança disse que teria sido chamada pelo autor a ir até o banheiro. Quando elas foram tomar satisfação com o homem, ele fugiu correndo.

A direção do colégio foi informada sobre o caso e como a escola dispõe de câmera de filmagem que registra a entrada e saída das pessoas ao local, vai encaminhar gravação com a frequência de quem entrou e saiu ontem do colégio. O abuso não foi cometido por nenhum funcionário do estabelecimento, segundo a mãe da menina, que se comprometeu em identificar o autor quando ele for detido.

Segundo a delegada Regina Márcia, o caso configura crime de importunação ofensiva ao pudor, podendo o autor ser preso, quando encontrado. Também está sendo investigado em que circunstâncias este homem teria entrado na escola e permanecido tempo suficiente para abordar os dois alunos e ter cometido abuso contra o menino.

A escola, conforme a delegada, está localizada na região central de Campo Grande.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions