A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

21/12/2009 15:30

Moradores fecham rua em protesto contra alagamentos

Redação

Moradores do bairro Maria Aparecida Pedrossian, em Campo Grande, fizeram uma espécie de barreira com terra e entulhos na esquina das ruas João Francisco Damasceno com Alzira Brandão, em protesto contra os alagamentos que vem ocorrendo na região.

O presidente da Amape (Associação de Moradores do Residencial Maria Aparecida Pedrossian, Jânio Batista de Macedo, conta que o protesto ocorreu hoje pela manhã, quando máquinas da Administração Municipal chegaram ao bairro para retirar os entulhos.

Segundo ele, apenas na esquina da rua Damasceno com a Minerva saíram seis caminhões de areia e pedras.

Entretanto, quando os funcionários chegaram à esquina da rua Alzira Brandão, os moradores não permitiram que o trabalho de limpeza continuasse, em protesto com a falta de obras para a rede pluvial da área.

A rua fechada dá acesso à entrada de moradores do Conjunto Oiti e por onde passa a linha de ônibus, e veículos não conseguem passar. Enquanto os entulhos estão no local, veículos e pedestres utilizam a avenida Marinez de Souza como opção.

Previsão - A Prefeitura informou, por meio da assessoria de imprensa, que o principal fator do alagamento no Maria Aparecida Pedrossian, Vivendas do Bosque e Residencial Oiti é a enxurrada que desce dos bairros Noroeste e Jardim Panorama e é justamente para esses locais que estão previstas obras de drenagem que serão realizadas no ano que vem.

Junto com a drenagem, será feito também o asfaltamento do Jardim Panorama, de acordo com a administração municipal.

De acordo com a assessoria, a documentação para essas obras está concluída e o trabalho será executado com recursos provenientes de emenda federal. O início da drenagem aguarda apenas a liberação da verba pela Caixa Econômica Federal.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions