A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

02/12/2008 11:00

Mortes por afogamento disparam: são 106 casos este ano

Redação

A disparada nas mortes por afogamento em rios, represas e piscinas neste ano desperta preocupação do Corpo de Bombeiros que está emitindo um alerta à população. De janeiro até o último fim de semana foram 106 casos em Mato Grosso do Sul, número que representa mais que o dobro de todo o ano passado, de acordo com a corporação. Apenas 16 pessoas foram resgatadas com vida este ano.

O que preocupa é a combinação de férias com o verão, quando as pessoas procuram mais se banhar em águas de rios, córregos e piscinas. Só no último fim de semana oito pessoas se afogaram, em Fátima do Sul, Dourados, Água Clara e Tacuru. Seis tinham idades entre 8 e 15 anos. Em um dos casos, ocorrido na tarde de sábado, em Água Clara, quatro se afogaram de uma vez: três irmãos de 11, 12 e 8 anos e a tia, de 15 anos.

Uma das crianças se afogou e as outras submergiram ao tentar salva-la. A orientação dos bombeiros nestes casos é de jogar uma corda, um pedaço de madeira ou mesmo uma peça de roupa para resgatar a outra pessoa para a borda. Isso porque a pessoa que está se afogando se desespera e tende a puxar a outra para o fundo.

Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions