ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 31º

Cidades

Mortos em assalto de lotérica são suspeitos de roubar boate na Capital

Por Edivaldo Bitencourt e Graziela Rezende | 11/09/2013 17:11
Tiros disparados por bandido destruíram vidro da entrada da lotérica (Foto: Cleber Gellio)
Tiros disparados por bandido destruíram vidro da entrada da lotérica (Foto: Cleber Gellio)

Os dois jovens, mortos em confronto com um policial militar durante assalto à agência lotérica no Bairro Parati, são suspeitos do roubo a uma boate no fim de semana, em Campo Grande. Segundo o delegado Fábio Peró, titular da Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos), os dois são parecidos com os autores do roubo na Boate Ramona.

Conforme o delegado, até a motocicleta CG Titan verde, usada por William Mercado Nunes, 24 anos, e Helton Esquiver da Cunha, 19 anos, no roubo à Lotérica Parati é  seria a mesma usada no assalto da boate. Para confirmar a possível autoria, o delegado diz que fará a comparação com as imagens que possui.

Imagens das câmeras de segurança mostram os dois entrando na boate e as características físicas são semelhantes.
O delegado também suspeita que os bandidos estivessem sob efeitos de drogas, já que foram muito agressivos com o funcionário da lotérica. “Há muito sangue espalhado na região dos caixas”, contou Peró.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário