A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

06/09/2008 09:17

MT faz operação para capturar ladrões de bancos em MS

Redação

Operação envolvendo mais de 50 homens das polícias civil, militar, federal e rodoviária e até um helicóptero, de Mato Grosso, é mobilizada nas buscas por integrantes da quadrilha que teria assaltado três bancos nas cidades de Pedro Gomes e Costa Rica, região norte de Mato Grosso do Sul. O mesmo grupo teria roubado na quarta-feira passada o Banco do Brasil, em Comodoro (MT), na divisa com Rondônia. Um dos acusados pelos roubos já foi preso.

As informações são da Polícia Civil de Comodoro. O delegado que cuida do caso, Marcelo Graciano das Silva, preferiu, por questão de segurança, não revelar o nome do assaltante que está presos na delegacia do município, um segundo suspeito também teria sido pego, mas a informação não foi confirmada.

Na tarde do dia 3 de setembro, a agência do Banco do Brasil, no Oeste de Mato Grosso, oi assaltada e por mais de uma hora, 20 pessoas foram feitas reféns dentro da agência, enquanto dois integrantes da quadrilha capturavam o gerente do banco na casa dele.

Os ladrões, fortemente armados e encapuzados fugiram em uma Ecosport, levando três policiais militares e o gerente do banco como reféns, estratégia muito parecida com a usada durante fuga, após roubo em Costa Rica.

Também como em Mato Grosso do Sul, o carro de fuga, usado em Comodoro, foi queimado e abandonado no meio da rodovia. Junto dele, os assaltantes deixaram dois caminhões bi-trem. A idéia era impedir a passagem dos carros da polícia.

Antes da ação, os assaltantes sabotaram a comunicação com o município. Os telefones da cidade de 17 mil habitantes foram cortados.

Outra semelhança com os homens que agiram na região norte de Mato Grosso do Sul, é que os ladrões tinham sotaque nordestino.

Na quinta-feira um homem, sem documentação, que dirigia um Gol com placas de Goiás. Foi preso na fronteira entre Brasil e Bolívia, em Cáceres (MT). A polícia suspeita que o Gol tenha sido usado durante o assalto a Comodoro. Os investigadores também dizem que já conhecem a identidade de outros cinco envolvidos no crime.

Ontem o Secretário de Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, Vantir Jacini, comemorou a prisão dos dois bandidos no Estado vizinho, em entrevista aos jornal Correio do Estado.

No evento em homenagem aos 173 anos da Polícia Militar, Jacini afirmou que as prisões estão diretamente ligadas aos assaltos realizados as agências do Banco do Brasil e HSBC na região norte, onde estima-se que teriam sido levados cerca de R$ 700 mil.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions