A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

02/04/2012 19:54

Novo presidente do TJ quer conversar com Trad sobre antiga rodoviária

Wendell Reis

Hildebrando Coelho Neto ficará à frente do TJ/MS por 305 dias

Para se aposentar, Santini passou o comando do TJ/MS para o vice, Hildebrando (Foto: Wendell Reis)Para se aposentar, Santini passou o comando do TJ/MS para o vice, Hildebrando (Foto: Wendell Reis)

O novo presidente do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), Hildebrando Coelho Neto, afirmou nesta segunda-feira (2), após ser empossado, que vai tomar conhecimento das vantagens e desvantagens do projeto de instalar os juizados especiais no prédio onde funcionou, por décadas, a rodoviária da cidade.

Hildebrando afirmou que ainda não há nada definitivo e que pretende conversar com o prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), para depois fazer uma análise da situação. “Não há nada definitivo ainda”, salientou.

Após ser empossado, Hildebrando declarou que pretende dar prioridade aos serviços, para que nada fique “atropelado”. Ao ser indagado sobre o que poderia ser feito para melhorar a prestação de serviços, o novo presidente avaliou que seria preciso pelo menos 30 novos juízes para atender a demanda. Ele declarou ainda que falta uma integração maior para se adequar ao atual processo de digitalização.

Antes de deixar a presidência, para se aposentar , Luis Carlos Santini declarou que ficou a frente do TJ/MS por 14 meses e procurou fazer algo em benefício do judiciário, acertando e errando, mas com a intenção de deixá-lo mais próximo da população. Ao finalizar as palavras, Santini disse esperar que tenha acertado mais do que errado e agradeceu a paciência de todos.

O presidente da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Mato Grosso do Sul), Leonardo Duarte, lembrou de todo o desenvolvimento desde a máquina de escrever, passando pelo carbono e fax. Ao lembrar deste histórico, citou o empenho de Santini para digitalizar os processos, declarando que este será o legado dele. Leonardo Duarte também elogiou o novo presidente, lembrando que é o primeiro a ocupar os três principais postos no judiciário do Estado, sendo corregedor, vice-presidente e presidente.

O procurador-geral de Justiça de Mato Grosso do Sul, Paulo Alberto de Oliveira, também elogiou Santini, avaliando que ele exerceu o mandato com retidão e dedicação, elogiando a atitude de aumentar o número de magistrados, convocando vários juízes substitutos.

O desembargador Joenildo de Souza Chaves falou em nome dos desembargadores do TJ/MS. Ao falar sobre o novo presidente, ele destacou a inteligência, rapidez, segurança e independência ao analisar os processos. Joenildo recordou que Hildebrando é um homem simples, acostumado com a vida no campo, e que trouxe para vida atual as qualidades suficientes para a função.

Joenildo descreveu o novo vice-presidente, João Batista da Costa Marques, como bom filho e bom amigo, salientando que por onde passou deixou a marca de sua atuação. Para exemplificar a dedicada atuação, Joenildo lembrou que João Batista foi reconduzido ao cargo por indicação unânime dos pares.

O desembargador Joenildo de Souza Chaves lamentou a saída do colega, Luis Carlos Santini, analisando que ele se aposenta em plena capacidade, mas deixa uma trajetória dedicada exaustivamente a Justiça. Ao finalizar o discurso, Joenildo fez uma crítica a destruição dos valores morais, alegando que há um desrespeito as instituições organizadas, o que avalia como preocupante para a própria democracia.

No discurso de posse, Hildebrando Coelho Neto lembrou dos ensinamentos do pai e da mãe, e do companheirismo da esposa, que disse certa vez que o acompanharia até debaixo de uma ponte. Além disso, prometeu muito trabalho, citando a frase: “É perigoso guardar a cabeça cheia de sonhos com as mãos desocupadas”.

O novo presidente brincou com os filhos, dizendo que dentro de dois anos se aposentará e poderá contar alguns causos. Além disso,alertou os advogados presentes, lembrando que um “acidente de percurso” pode levá-los até ao posto de desembargador no TJ/MS.

Hildebrando lembrou que o progresso é feito pelo trabalho e que se Deus não tivesse dado o trabalho, o homem teria os membros atrofiados. Ao encerrar as palavras, o novo presidente citou a música “Tocando em Frente”, de Renato Teixeira, finalizando com o verso: “Cada um de nós compõe a sua história, cada ser em si carrega o dom de ser capaz, de ser feliz”.




QUEM PRECISA SÊR ELOGIADO MESMO É AQUELE PESSOAL DO ANTIGO TERMINAL RODOVIARIO QUE A ANOS ESPERAM UMA SOLUÇÃO....
“Cada um de nós compõe a sua história, cada ser em si carrega o dom de ser capaz, de ser feliz”.
exlmo srº da lei.. ajude-os.. por favor...
Darlan.
 
DARLAN DE SOUZA em 03/04/2012 10:53:53
Novo presidente do Tribunal de Justiça toma posse nesta 2ª feira
O novo presidente do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) toma posse nesta segunda-feira. O desembargador Hildebrando Coelho Neto vai as...
Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...
Município de Itaporã comemora 64 anos de emancipação neste domingo
Conhecido como Cidade do Peixe, Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, comemora 64 anos de emancipação neste domingo (10). A prefeitura municipal ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions