A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

25/11/2011 18:59

Receita e PRF fazem na segunda-feira operação para destruir cigarros

Viviane Oliveira

A RFB (Receita Federal do Brasil) deflagra na segunda-feira o "Mutirão Nacional de Destruição de Mercadorias Apreendidas". A operação, em conjunto com a Prf, consiste na remoção de cigarros e outras mercadorias para serem destruídas em parceria com o setor alfandegário.

Serão 51 veículos carregados com cigarros e outras mercadorias, removidos em quatro etapas da Operação. São caminhões, carretas e bitrens carregados com cigarros e outras mercadorias contrabandeadas.

Os veículos estão sendo removidos em comboios, com acompanhamento, orientação e segurança da Polícia Rodoviária Federal e conta com apoio do Comando Militar do oeste, Base Aérea de Campo Grande, Procuradoria da Fazenda Nacional, Corpo de Bombeiros Militar, Detran, Polícia Civil e Agesul.

Nos últimos 5 anos, as apreensões por contrabando e descaminho feitas na 1ª Região Fiscal da Receita Federal, que compreende os Estados do Centro-Oeste e Tocantins, tiveram um salto de R$ 43 milhões em 2007, para R$ 110 milhões até agora.

No caso específico dos cigarros, em 2007 foram apreendidos aproximadamente R$ 7,88 milhões contra R$ 37 milhões neste ano.

Os lotes que estão sendo enviados para Alfândega de Brasília, serão destruídos por empresa dotada de capacidade operacional para processar e destinar os resíduos das mercadorias de forma ecologicamente correta.

Nesta Operação deverão ser destruídos mais de 11 milhões de maços de cigarros, além de aproximadamente 700 mil óculos, também removidos para essa finalidade, avaliados em aproximadamente R$ 13 milhões.

O comboio de veículos da 2ª etapa da Operação está previsto para sair às 6 horas da manhã da próxima segunda-feira (28).

No dia 3 de dezembro será comemorado o dia Nacional de Combate à Pirataria e Biopirataria.

Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...


Na minha opinião todo e qualquer dinheiro que o governo conseguir arrecadar que for fruto destas operações deveria ser investido no desenvolvimento economico da região, sem estas medidas, tudo volta a estaca zero, pois não é enchendo as fronteiras de policiamento que se acaba com o descaminho, e sim com a geração de renda, para que os cidadãos possam tratar os seus filhos com dignidade.
 
sergio oliveira em 26/11/2011 08:34:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions