A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

26/07/2010 13:01

Pacote de obras beneficiará zona rural da Capital

Redação

Dentre os lançamentos da programação comemorativa dos 111 anos de Campo Grande, o destaque fica para o pacote de obras que beneficiarão a zona rural da Capital.

Com verba total de R$ 5,4 milhões, a prefeitura construirá: 11 pontes de concreto, irrigação em assentamento, 7 campos de futebol, 7 centros comunitários, 5 telecentros e promoverá aquisição de alimentos, cultivo de flores tropicais, cursos de informática e aquisição e distribuição de insumos agrícolas.

Dentre as obras e investimentos, ainda realizará um torneio de futebol, para unir todas as comunidades rurais.

As pontes de concreto serão construídas na região de Anhanduí, distrito da Capital; Rochedinho; Hospital São Julião; Inferninho e Aguão. Elas ligarão os córregos: Paraíso I, Anta, Abismo, Pulador, Cabeceira Limpa, Monte Alvão, Soltinho, Inferninho, Potreirinho, Paraíso II e Estiva.

O pacote, chamado de "Campo Grande e Produtivo", será lançado oficialmente no dia 19 de agosto.

De acordo com o titular da Sedesc (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, de Ciência e Tecnologia e do Agronegócio), Natal Baglioni, Campo Grande tem extensão de 8.500 km² e as fronteiras do município começam na região do Aguão e vão até 60 quilômetros após o distrito de Anhanduí. "Temos, aproximadamente, 10 mil produtores rurais. As pontes a serem construídas são de fundamental importância a eles", explica.

As pontes servirão para garantir o escoamento da produção e serão projetadas para suportar o volume de tráfego de veículos pesados, além de substituir as antigas, feitas de madeira. Baglioni lembra que as pontes serão construídas para estarem em atividade já no período das chuvas, para não atrapalhar o escoamento da produção.

Os telecentros são salas com computadores e instrutores para orientar a população a utilizar a rede mundial. Cada telecentro tem 11 computadores e é operado por dois instrutores.

O pacote atende ainda o assentamento Três Corações, que possui 130 famílias, com irrigação. "Com a irrigação, aumentará a produção deles em alguns setores, como os 21 hectares de maracujá", exemplificou.

Dois projetos irão fazer melhorias na produção das fazendas. O projeto de cultivo de flores tropicais irá disponibilizar apoio técnico para o produtor ter mais uma opção de cultivo. Já no programa de aquisição de alimentos, será comprada a lavoura dos produtores, pela prefeitura, e distribuído entre entidades filantrópicas.

A prefeitura também investe R$ 142 mil na Aquisição e Distribuição de Insumos Agrícolas, outro incentivo ao produtor. "O pacote atende e cria melhorias em todo o nosso entorno", ressalta Baglioni.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions