A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

24/07/2013 14:25

Peregrinos campo-grandenses participam de catequese com Dom Eduardo

Mariana Lopes
Missa na manhã de hoje (Foto: Beatriz de Almeida)Missa na manhã de hoje (Foto: Beatriz de Almeida)

Na primeira manhã da Jornada Mundial da Juventude, no Rio de Janeiro, peregrinos campo-grandenses participaram, nesta quarta-feira (24), de catequese e missa com o bispo auxiliar de Campo Grande, Dom Eduardo Pinheiro.

Com o tema Esperança, as atividades foram realizadas no ginásio da escola Santa Maria, em São João de Meriti, município do Rio de Janeiro. Mesmo acostumados às homilias do bispo, os peregrinos de Campo Grande gostaram e aproveitaram as palavras de Dom Eduardo Pinheiro.

“Ele foi muito feliz nas colocações que fez, distinguiu bem sonhos, projetos e esperança, disse que juventude que traça metas, Deus ajuda”, avaliou o campo-grandense Bruno Cilião, que participou da catequese e da missa hoje com o bispo.

Para a jovem Beatriz de Almeida, ouvir as palavras do bispo da Arquidiocese dela foi um momento de muita alegria e sabedoria. "Me tocou muito quando o Dom Eduardo disse que os músicos precisam cantar a missa e não na missa, é um chamado", observou a campo-grandense.

Passeio – Em outro canto do Rio de Janeiro, um grupo de peregrinos de Campo Grande aproveitou a manhã desta quarta-feira para conhecer pontos religiosos e turísticas da cidade.

Grupo de campo-grandenses em passeio no Rio de Janeiro para conhecer igrejas, museus e até mosteiros (Foto: Arquivo pessoal)Grupo de campo-grandenses em passeio no Rio de Janeiro para conhecer igrejas, museus e até mosteiros (Foto: Arquivo pessoal)

“Fomos a igrejas, museus e até a um mosteiro de freiras enclausuradas, tivemos pouco contato com elas, através de uma grade, foi uma experiência muito bacana”, conta o campo-grandense Henrique Paes, que está em um grupo de 14 pessoas da Capital.

Segundo ele, todos os momentos da Jornada estão sendo muito produtivos até agora, mas criticou o transporte público da cidade. “Está muito ruim, pegamos um trem caindo aos pedaços e como os trajetos são longos e tem muita gente, demora muito para chegar aos locais”, pontua o campo-grandense.

Contudo, isso é apenas um detalhe perto de outras emoções que os jovens estão vivendo na “Cidade Maravilhosa”. “Mas está o máximo, gente de todos os países, estamos trocando lembrancinhas, tentamos se comunicar em outros idiomas, é muito legal”, ressalta Henrique.

Nesta tarde, os peregrinos participam do Festival da Juventude, que acontece em vários pontos do Rio de Janeiro, um deles com palco montado no Pão de Açúcar.

Grupo de Campo Grande na catequese com o Dom Eduardo (Foto: Arquivo pessoal)Grupo de Campo Grande na catequese com o Dom Eduardo (Foto: Arquivo pessoal)
Bruno Cilião com Dom Eduardo, antes da catequese (Foto: Arquivo pessoal)Bruno Cilião com Dom Eduardo, antes da catequese (Foto: Arquivo pessoal)
Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions