A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 15 de Dezembro de 2018

05/03/2009 17:03

Poda de árvore de 25 metros pára parte do Aero Rancho

Redação

A poda de uma árvore de aproximadamente 25 metros de altura parou parte do Conjunto Aero Rancho, em Campo Grande. A espécie, conhecida popularmente como mandiocão, ameaçava cair sobre o centro comunitário, uma creche e três casas na Rua Inocência Moreira dos Santos.

Os trabalhos tiveram início às 9 horas de hoje e deverão ser concluídos em dois dias. A árvore fica nos fundos do centro comunitário do bairro e, como é de grande porte, oferecia risco à creche e às casas.

Para a poda, os alunos foram dispensados da aula de hoje. Muitos moradores ficaram na rua enquanto os militares do Corpo de Bombeiros faziam o corte.

As três famílias da casa que fica em frente ao centro comunitário também tiveram de deixar os imóveis. A árvore foi tombada como patrimônio público da cidade.

Segundo o Corpo de Bombeiros, uma vistoria na árvore foi feita em janeiro e depois da inspeção os moradores notaram uma rachadura. Devido ao risco que a árvore oferecia, houve a necessidade de cortar a espécie.

A altura da árvore pode ser medida com base no equipamento usado pelo Corpo de Bombeiros para alcançar o galhos mais altos, que tem 27 metros de altura.

O funcionário do centro comunitário, Anivaldo Matos, 52 anos, conta que em 2006 os galhos da árvore caíram no local, não teve vítimas, mas o prejuízo causado foi de R$ 6 mil. Na ocasião, foram atingidos o telhado, madeiramento e as paredes.

Para Edvaldo Silva, 52 anos, morador de uma das casas ameaçadas, a poda representa um alívio. "Quando chovia ficava balançando e como rachou podia cair a qualquer momento pra cima da gente", completa.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions