A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

09/11/2010 15:52

Polícia investiga relação de avião que caiu com tráfico

Redação

A Polícia Civil está investigando se o avião que caiu ontem à tarde em Porto Murtinho era usado para o tráfico de drogas. A aeronave vinha do Paraguai e segundo o piloto, fazia um sobrevôo porque os passageiros estariam interessados em comprar terras na região.

Cinco pessoas estavam no Cessna prefixo ZP-VCQ e sobreviveram sem ferimentos graves. Todos já foram embora, em outro avião que foi resgatá-los. Após o acidente, policiais vistoriaram a aeronave a procura de entorpecentes, mas nada foi localizado.

Além da origem do avião em uma região que é rota de produção e de escoamento do tráfico, a suspeita dos policiais também tem a ver com pelo menos um dos ocupantes do avião.

Willian Martins Spencer, 39 anos, o único que teve ferimento, uma fratura no braço, seria filho de Sebastião Spencer, que foi condenado por tráfico na década de 80, como integrante de uma quadrilha que enviada drogas para fora do País.

A delegada que cuida do caso, Andréia dos Santos Dornelles, não quis se pronunciar sobre o assunto nesta tarde. Ela informou que as diligências ainda estão em andamento em relação às causas do acidente.

O que aconteceu - Peões da fazenda Quebracho viram o avião cair por volta das 16h de ontem. Segundo a PM (Polícia Militar), o piloto, o paraguaio Francisco Javier Arguero, 33 anos, alegou que o avião perdeu força e ele não conseguiu fazer o pouso.

A aeronave caiu na vegetação e ficou completamente destruída. Das vítimas, Willian Martins Spence, 39 anos, foi o que teve ferimentos mais graves. Ele sofreu fratura no braço.

Também ficaram feridos sem gravide: André Alves Outeiro, 31 anos, que é de Ponta Porã, o irlandês Sean Paul Preston, 31 anos, e o búlgaro Mirchov Estayanov, 38 anos.

STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions