A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

14/01/2009 17:03

Polícia tenta identificar 3º assassinado em Ponta Porã

Redação

De acordo com a Polícia Civil de Ponta Porã, as vítimas de assassinato encontradas ontem na MS-164 estavam envolvidas em um esquema de roubo de carros. Segundo o delegado que investiga o caso, Odorico Mesquita, a Polícia trabalha para identificar a terceira vítima, que supostamente seria o dono do veículo.

Até o momento duas pessoas já foram identificadas: Augusto Caballero Alacon e Nelson Buenavista Ventura Ivernizzi, que seriam integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital).

"Quantos aos dois homens já identificados, o que podemos dizer é que eles não tinham passagem pela Polícia brasileira. Mas já pedimos informações às autoridades paraguaias para sabermos se eles estavam envolvidos em crimes no país vizinho", adianta o delegado.

Informações da Polícia Nacional do Paraguai aponta na mesma direção. Em entrevista ao site de notícias Capitan Bado, policiais do país vizinho contaram que o motivo do triplo homicídio foi um desentendimento entre quadrilhas de arrastadores de carros. Os integrantes de uma das quadrilhas não teriam honrado acordos com a outra.

Os puxadores teriam entregado os carros em Pedro Juan Callero, município paraguaio, mas os compradores não teriam pago pelos veículos, como vingança, os três homens foram assassinados.

Conforme um investigador paraguaio, que não quis ter o nome revelado, os puxadores receberiam como pagamento drogas e armas pesadas.

O Caso

Temer veta projeto sobre negociação coletiva no serviço público
O presidente Michel Temer vetou integralmente o Projeto de Lei nº 3.831/15, aprovado pelo Congresso Nacional, que estabelecia normas para a negociaçã...
UFMS divulga edital do vestibular para ingresso em cursos de graduação
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta segunda-feira (18), edital do processo seletivo do vestibular para ingresso em cu...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions