A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Outubro de 2018

13/05/2010 07:26

Prefeitura tem menos de um mês para cadastro no PAC 2

Redação

O prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB), voltou ontem de Brasília (DF) com o cronograma do governo federal para cadastrar projetos no PAC2( segunda fase do Plano de Aceleração do Crescimento), o prazo é inferior a 30 dias.

Segundo o secretário de Governo, Rodrigo Aquino, o Ministério das Cidades vai lançar um sistema específico para que as prefeituras cadastrem os projetos no período de 17 de maio, segunda-feira próxima, até 11 de junho.

Campo Grande pleiteia R$ 434 milhões em recursos do OGU (Orçamento Geral da União). Aquino lembra que no PAC 1, que teve investimentos de R$ 140 milhões, o município arcou com 50% dos valores, através de financiamentos.

Segundo o secretário, Campo Grande reúne quase todos os pré-requisitos para inclusão dos projetos, principalmente no que diz respeito ao percentual de execução e êxito no PAC1. "Campo Grande é a terceira maior executora de PAC no Brasil", afirma.

A Capital também tem praticamente todos os projetos básicos, viabilidade ambiental verificada e o único requisito que não têm é a necessidade de ações de prevenção de enchentes com episódios recentes de perda de vidas humanas. "Isso felizmente não temos, mas também não é excludente para a seleção", explica.

Segundo o secretário, o ministro da Cidades, Márcio Fortes, foi claro quando à limitação de número de projetos por modalidade. Apesar disso, Aquino afirma que "segundo levantamentos que fizemos será possível apresentação de todos os projetos que já selecionamos previamente".

Segundo ele, após o prazo para cadastramento dos projetos, as cartas consultas serão analisadas durante 20 dias e haverá reuniões entre os titulares (prefeitos e governadores) com os representantes da União.

Dentre os projetos apresentados por Campo Grande, estão a continuação da pavimentação e drenagem na região do Segredo (iniciada no PAC1); continuação do Parque Linear do Córrego Cabaça e do projeto do Parque do Córrego Imbirussu. Para a pavimentação, a prioridade são os corredores de transporte coletivo.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions