A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Junho de 2018

11/02/2009 17:32

Preso do Estado enviaria drogas e armas para RJ

Redação

Vitório Ramão Rios Alegre foi preso durante a operação Nocaute, acusado de traficar drogas e armas que seriam enviadas ao Rio de Janeiro. Ele foi flagrado em Paranhos, município distante 470 quilômetros de Campo Grande e que faz fronteira com o Paraguai. Rios responderá por tráfico internacional, no mega esquema desarticulado hoje.

Segundo a assessoria de imprensa da PF (Polícia Federal) de Campo Grande, somente para a operação Nocaute foram expedidos 36 mandados de prisão preventiva no Rio de Janeiro e outros nove Estados.

Simultaneamente, a PF desencadeva a Trilha Albis, que recebeu o nome em referência à mochila usada para o transporte da cocaína pelas mulas.

Ao todo, para as duas ações, foram expedidos 70 mandados de prisão no Rio de Janeiro, Santa Catarina, Brasília, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Bahia, Minas Gerais, Paraná e Pernambuco.

As investigações tiveram início há quase um ano. Por meio de escutas telefônicas autorizadas pela Justiça, ficou constatado que cocaína boliviana entrava no País por Mato Grosso do Sul e Mato Grosso e seguia para o Rio de Janeiro, São Paulo e Minas.

Depois a droga era transportada para Europa em quantidades menores, por pessoas contratadas como "mulas".

Na França, Holanda e Portugal, a cocaína virava moeda de troca pelas drogas sintéticas, como o LSD e o ecstasy. O último passo era trazer o produto de volta ao Brasil, para a distribuição também no Paraná, Bahia, Santa Catarina e Pernambuco.

OAB anuncia novo recurso contra cobrança de bagagem em aviões
A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) anunciou hoje (22) um novo recurso, com pedido de decisão liminar (provisória), a fim de interromper a taxa ext...
Sisu: matrícula e lista de espera começam hoje
Começa hoje (22) o prazo de matrícula para os estudantes selecionados no Sisu (Sistema de Seleção Unificada). O resultado está disponível na página d...
Operação do Exército apreende 51 armas de fogo e 2,3 mil munições
Realizada pela 9ª Região Militar do Exército Brasileiro, a operação Alta Pressão VI resultou na apreensão, ao longo de três dias, de 51 armas de fogo...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions