ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEGUNDA  16    CAMPO GRANDE 16º

Cidades

Solto adolescente que bateu em filho de desembargador

Por Redação | 18/06/2010 16:27

Foi solto agora à tarde o adolescente de 17 anos que estava desde o dia 14 de junho na Unei (Unidade Educacional de Internação) Dom Bosco, em Campo Grande, após agredir com um soco o filho de um desembargador.

Ele foi liberado após uma audiência com o juiz que determinou a apreensão, Danilo Burin. A audiência estava prevista para segunda-feira e foi antecipada graças à intervenção do Ministério Público Estadual. Agora, o adolescente vai responder em liberdade ao procedimento, que ainda pode resultar em apreensão.

O advogado dele, Antônio Sérgio Amorim Brochado, havia feito dois pedidos de reconsideração sobre o caso, um ao juiz e outro ao desembargador que anteontem negou o pedido de habeas corpus apresentado pela defesa. Um terceiro recurso jurídico foi impetrado no STJ (Superior Tribunal de Justiça).

A apreensão do garoto, que gerou polêmica, por ser considerada exagerada pela família e por entidades como o CDDH (Centro de Defesa dos Direitos Humanos- Marçal de Souza), ocorreu após uma confusão durante uma festa de aniversário no dia 3 de junho.

O jovem, que segundo a Polícia Civil entrou na festa sem ser convidado, atingiu com um soco o adolescente de 15 anos, filho de um desembargador.

Acionada, a Polícia Civil pediu à Vara de Infância e Juventude a apreensão do garoto. O juiz Danilo Burin havia determinado a apreensão preventiva por 45 dias.

Nos siga no Google Notícias