A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

26/12/2007 14:13

Tratamento anti-HIV é abandonado por 42% de portadores

Redação

Pelo menos 42% dos portadores de HIV abandonam o tratamento, segundo dados da Coordenadoria Estadual de DST/HIV/Aids. A coordenadora do programa, Priscilla Alexandrino de Oliveira, ressalta a importância da continuidade do tratamento, considerando dos bons resultados dos coquetéis que impedem a evolução da doença.

A SES não indica o porquê do abando no tratamento, mas considera a prevenção outra preocupação. Neste ano, as cinco campanhas de prevenção à Aids resultaram na distribuição de 8,5 milhões de preservativos masculinos em Mato Grosso do Sul.

Hoje, segundo a SES, há 4.229 casos informados da doença. Campo Grande teve nesse período 2.860 notificações. A faixa etária entre 20 e 49 anos têm 85,58% dos casos. Homens correspondem a dois terços do quantitativo e as relações sexuais são ainda as maiores formas de contaminação, chegam a 70% dos casos.

Como forma de melhorar as condições de tratamento, a SES planeja adquirir em 2008 testes rápidos de Aids. Os testes já foram aprovados pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). As informações são da assessoria de imprensa da SES.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions