A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

29/05/2009 06:57

Vai a júri hoje envolvido em morte de irmão de prefeito

Redação

Será julgado nesta sexta-feira, em Campo Grande, João Batista Domingos, acusado de envolvimento na morte do empresário Alci Pedro Arantes, irmão do prefeito de Rochedo. O julgamento de "João Quentura", como o réu é conhecido, está marcado para começar às 8h.

A sessão estava marcada para o dia 6 de maio, mas pouco antes de começar o julgamento, o juiz titular da vara, Aluizio Pereira dos Santos, recebeu ofício do advogado de defesa informando que não participaria da sessão de julgamento por ter uma audiência no STJ (Superior Tribunal de Justiça).

"João Quentura" é o segundo dos seis réus a ir a julgamento. O primeiro, Carlos Vieira Gonsalez, de 31 anos, foi condenado a nove anos de prisão.

Carlos emprestou a motocicleta usada pelo executor, em troca de dinheiro. Ele sabia que o veículo seria utilizado em um homicídio. Além disso, após o crime, esperava pelos comparsas próximo ao local.

"João Quentura" é apontado como o intermediador entre os mandantes e os executores. A ex-mulher de Alci, Cyntia Carvalho Martins, e o advogado dela na época, Gilson Gomes da Costa, são apontados como os mandantes.

Cynthia e Alci estavam em litígio. Ele descobriu que não era pai de um dos filhos do casal, o que foi confirmado por exame de DNA.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions