A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

21/12/2012 09:00

Verão terá altas temperaturas, chuva e até estiagem no Estado

Aline dos Santos
Em campo Grande, nova estação começa ensolarada. (Foto: Luciano Muta)Em campo Grande, nova estação começa ensolarada. (Foto: Luciano Muta)

Pelos próximos 89 dias, a estação mais quente do ano terá altas temperaturas, especialmente no mês de fevereiro, chuvas regulares e até estiagem no extremo Sul do Estado (Dourados a Sete Quedas). Hoje, acontece o solstício de Verão, com o dia mais longo e a noite mais curta do ano.

O Verão, que começou nesta sexta-feira, não terá, desta vez, influência nem do El Niño nem da La Niña (fenômenos de aquecimento e resfriamento das águas do Oceano Pacífico). De acordo com o meteorologista da Uniderp/Anhanguera, Natálio Abrahão Filho, neste cenário, os totais mensais de chuva para janeiro e fevereiro devem se manter próximos às medias históricas de cada região. No entanto, grande quantidade de chuva de curta duração favorece a ocorrência de enchentes nos dois primeiros meses do ano.

Devido ao intenso calor e alta umidade, que se intensificam gradativamente no decorrer do dia, serão frequentes as pancadas de chuva no final da tarde seguindo pela noite. Essas condições vão se reduzindo em meados de março. Em algumas ocasiões, ocorrem raios e, excepcionalmente, queda de granizo no Centro-Sul do Estado.

As temperaturas máximas podem atingir valores elevados em função da forte radiação solar e da verticalidade dos raios com mais horas de sol. Até meados de fevereiro, a radiação ultravioleta fica acima do índice prejudicial à saúde humana.

Na região Central do Estado, o regime de chuvas deve seguir dentro dos valores históricos. As áreas de instabilidades vão provocar trovoadas e relâmpagos. Um pequeno veranico de seis a oito dias deve ocorrer em janeiro, alternando com chuvas regularmente distribuídas ate o final da estação, com um total médio de 565 milímetros.

Para as regiões Norte e Nordeste, as chuvas devem ser intercaladas com períodos curtos de tempo seco. Os valores podem ficar 5% acima da média ao Norte do Estado e 5% abaixo nos municípios a Leste, na bacia do rio Paraná. As temperaturas devem ficar até quatro graus acima da média, com as máximas chegando aos 36ºC.

Nas regiões Oeste e Noroeste, as temperaturas ficarão muito elevadas durante o dia, acima dos 35ºC. As chuvas devem aumentar a partir do fim de fevereiro nas cabeceiras da bacia do rio Paraguai e seus afluentes em Mato Grosso.

Já nas regiões Sul e Sudeste a chuva deve ser mais consistente depois do dia 15 de cada mês, com calor intenso. A formação de pancadas isoladas no começo da tarde e no decorrer da noite deve ser comum no decorrer de cada mês. O Verão termina em 20 de março.

Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...
Município de Itaporã comemora 64 anos de emancipação neste domingo
Conhecido como Cidade do Peixe, Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, comemora 64 anos de emancipação neste domingo (10). A prefeitura municipal ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions