A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Janeiro de 2018

04/11/2014 19:25

Veteranos dão dicas para superar desafios e se dar bem no Enem

Lidiane Kober
Letícia (no centro) deixou de lado por um ano as baladinhas com as amigas para ficar na escola e estudar (Foto: Reprodução/Facebook)Letícia (no centro) deixou de lado por um ano as baladinhas com as amigas para ficar na escola e estudar (Foto: Reprodução/Facebook)

A quatro dias do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), os nervos estão a flor da pele e o coração bate mais forte. Quem já passou por isso sabe muito bem a dureza da hora do desafio, mas sabe também segredinhos que podem ajudar os candidatos a se dar bem na prova e realizar o sonho de conquistar uma vaga na faculdade.

Marina Leles Robalinho, de 17 anos, é um exemplo de foco e dedicação. Ela passou direto do terceiro ano do ensino médio para o curso de medicina da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Ela não deixou nada para a última hora e começou a se dedicar desde o primeiro ano do ensino médio.

“Sempre estudei muito”, frisou. A rotina, no entanto, ganhou reforço no ano véspera de Enem. “Estudava de segunda a sexta-feira, das 7h às 22h30”, contou. No meio do caminho, ela tirava uma soneca. “Descasava do meio-dia até às 14h, esse sono foi fundamental para me dar força e seguir firme até o final”, destacou.

Já a estratégia de parar no fim de semana foi para evitar sobrecarga. “Precisava disso para aliviar a pressão”, explicou. Sobre dicas para alcançar o sucesso, a universitária aconselhou horas de preparo para a redação. “Sabia que tinha muito peso, então, treinei muito”, ressaltou.

Também foi fundamental realizar todas as provas anteriores do Enem. “Tinha uma apostila só de exercícios”, comentou. Já na última semana, Marina aconselha a suspender a rotina. “Na sexta-feira antes da prova, não fui a aula”, emendou.

Outra dica é não pensar que o futuro depende apenas do sucesso no Enem. “Nunca pensei que isso iria decidir minha vida, pensei que o que era para ser aconteceria e o resultado seria o melhor para mim”, revelou. A teoria a deixou tranquila na hora da prova e Marina foi a quinta melhor colocada no curso de medicina da UFMS e também passou na UFPR (Universidade Federal do Paraná).

Nada de baladinha – Letícia do Espírito Santos Dias, de 18 anos, foi mais longe e abdicou de tudo no ano véspera do Enem. “Estudava de segunda a segunda, não saía nem para jantar e nem no dia do meu aniversário”, relatou.

A dedicação, segundo ela, valeu a pena. “Faria tudo de novo”, destacou. A alegria é reflexo da satisfação em cursar medicina na Uniderp/Anhanguera. A jovem também passou no mesmo curso nas universidades federais do Acre e do Maranhão. “Optei em ficar na minha cidade”, afirmou.

Além de estudar todos os dias, das das 7h até 21h, Letícia disse que foi fundamental realizar as provas anteriores do Enem. “A prova é cansativa, longa, com muita leitura, então, a prática constante me ajudou a conhecer o meu tempo e adaptá-lo ao período de duração das provas”, explicou.

Na véspera do Enem, ela também optou em dar uma pausa. “Estudei até a quarta, quinta e sexta relaxei para garantir confiança. Pensei que dois dias a mais não fariam diferença”, frisou. Outra dica é conferir com antecedência o local da prova, chegar cedo e separar o material e a documentação no dia anterior.

Uso do Enem cresce entre instituições públicas e particulares
O uso do Enem cresce entre instituições públicas e particulares O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) consolida-se cada vez como forma de ingresso ...
Participantes do Enem podem conferir data e local de prova a partir de hoje
Os participantes do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2014 podem conferir seus cartões de confirmação de inscrição a partir de hoje (27). O si...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions