ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  09    CAMPO GRANDE 12º

Amor em 4 Patas

Como saber se o seu pet está estressado?

Por Dra. Larissa Meurer (*) | 20/04/2022 09:45

Ficar o dia todo em casa sem ter nada pra fazer é muito entediante não é mesmo? Ainda mais que faz isso todos os dias por toda a vida, como os cães. E por isso muitas vezes acabam ficando estressados.

Já vi vários casos em humanos de pessoas que ficam doentes fazem milhares de exames e por fim descobrem que estão com alergias, gastrite, queda de cabelo, e vários outros sintomas por causa do estresse. E com os animais isso também não é diferente. O estresse abaixa a imunidade, ficando susceptível é contrair doenças.

Comportamentos agressivos com o dono são sinal de estresse. - Imagem: Piotr Wawrzyniuk
Comportamentos agressivos com o dono são sinal de estresse. - Imagem: Piotr Wawrzyniuk

Doenças em animais estressados acabam se tornando crônicas: gastrite, dermatites, otites, etc... A boa notícia é que tudo isso pode ser evitado antes mesmo que aconteça.

Á seguir montei uma tabela com 10 características de um pet ansioso/estressado, veja quantas dessas características o seu pet possui:

Faz as necessidades em locais inadequados: ele já passou da fase de aprendizagem e continua fazendo em locais para chamar a sua atenção;

Só come quando você chega: sinal de relacionamento tóxico, não faz bem pra ele e nem pra você;

Não segura a urina ao te ver chegar: urina de emoção, eles não gostam disso, fazem pois ficam muito ansiosos;

Lambe as patinhas: além de sintoma de alergia pode ser também sintoma de estresse;

Excesso de latidos: se sente muito sozinho durante o dia;

Uivos: sinal de desespero, pois o som chega muito mais longe do que o de um latido;

Comportamentos destrutivos: pode ser pra chamar sua atenção;

Comportamento repetitivos: correr em círculos, correr atrás do rabo, andar de um lado pro outro;

Comportamentos inadequados;

Destruição de móveis: afinal é entediante não ter nada pra fazer o dia todo.

Destruição de móveis é sinal de estresse. - Imagem: Jeroen van den Broek
Destruição de móveis é sinal de estresse. - Imagem: Jeroen van den Broek

De 0 á 10 qual é o nível de estresse/ansiedade do seu pet? Lembrando que cada caso deve ser avaliado individualmente.

Se você marcou algum ponto dessa lista saiba que seu pet precisa de ajuda pra que o relacionamento de vocês não vire uma relação de amor e ódio, um dia ama e no outro odeia. Muitas pessoas abandonam seus animais por não saber lidar com eles, mas posso te garantir que existe solução, você só precisa aprender como fazer da maneira certa. E é pra isso que existe a consulta de prevenção, onde é tratado assunto como esse, além de toda a saúde geral do seu pet. Você não precisa esperar ele adoecer pra procurar ajuda, faça isso antes e diminua as chances dele ficar doente.

Para ser o herói do seu pet, clique aqui e entre em contato.

(*) Dra. Larissa Meurer é médica veterinária com 5 anos de experiência clínica. Especializada em Prevenção e profissional no atendimento domiciliar. Trabalha realizando treinamentos de equipe em pet shops com foco em prevenção. E também realizando consultas, exames e vacinas em domicílio com objetivo de aumentar o tempo de vida dos animais e trazendo ainda mais qualidade de vida aos pets e consequentemente pra toda família de seus pacientes.

Nos siga no Google Notícias