A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 19 de Fevereiro de 2018


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


22/01/2018 14:17

Amadorismo continua nas rádios locais

Reinaldo Rosa

SONECA NO PONTO – Pela lógica da racionalidade o Grupo Zahran seria o endereço certo da Rádio Globo, em Campo Grande. Grupo Capital entrou na parada e, hoje, consegue liderança no mercado radiofônico de MS com a grife carioca. Simples assim.

TÔ NEM AÍ – Amadorismo na prática de fazer rádio é marca de emissoras nocauteadas pelo aparecimento de grifes nacional em Campo Grande. Concorrentes das rádios Globo FM e CBN não inovam nas surradas programações e seguem perdendo audiência. Mesmice perde folego.

PIADA PRONTA – “O Governo está contente (SIC) pois poderemos contar com o trabalho da ministra (Cristiane Brasil) nessa árdua luta de continuar fazendo com que o Brasil cresça para o bem de todos nós brasileiros”. Carlos Marun, o caricato.

SAGRADO E PROFANO – Entidades evangélicas mantém contratos quilométricos com repetidoras da Record, SBT e Band, em Campo Grande. No horário matutino espectador tem apenas telejornais -‘Bom dia Brasil’ (Globo) e ‘Café com Jornal’ (Band)-. Nos demais, jesus na causa.

VEJA BEM - Dia 17 de julho, o jornalista Marcelo Tas, perdeu a costumeira fleuma no ‘Papo de Segunda’, na GNT, quando um companheiro da atração referiu-se à falta de provas da propriedade do triplex, mote da condenação de Lula. Tas alterou-se e disse que Lula deveria ser condenado porque era o responsável pela recessão, por 13 milhões de desempregados, por toda a corrupção e também pelo governo Temer, uma vez que havia feito aliança com o PMDB. Para Celia Regina Jardim Pinto o apresentador ecoou posições da rede Globo.

VC NA COLUNA – “O deputado Geraldo Resende tem usado e abusado dos programas de rádios interioranos para alavancar seus projetos políticos. O dia que não tem uma ‘latinha’ pra falar põe a cara na telinha do Facebook. Tudo no velho e bom estilo malufista foi o Geraldo que fez”. Valfrido Silva

VC NA COLUNA II – “Por que e como o Grupo Zahran perdeu a concessão da Radio Globo FM para o Grupo Capital. Não houve interesse. A Radio Globo tá dando um banho na concorrência”. Ciro de Oliveira

VC NA COLUNA III – “Rádio Caiuás, (DE Dourados) único resíduo de José Elias Moreira. E quanto ao restante das AM's que estão em processo de migração para o FM na capital, alguma novidade? Gilson de Oliveira Cano

ANIVERSÁRIOS DO DIA – Oscar Ramos Gaspar, Wagner Gomes e Caio Nogueira, ligados no campo da comunicação, comemoram aniversário no dia de hoje. Parabéns do titular da coluna.

Comércio local fora do horário nobre
DE BRISA – TV Morena continua com tabela de preços discricionária em sua grade publicitária. No horário nobre não existe veiculação significativa de ...
TVE tem novidade na cobertura do futebol de MS
VÍDEO MONITORAMENTO - Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social de Dourados instaura Inquérito Civil para investigar eventual irregularida...
Só Corumbá terá Carnaval na televisão
MAMÃE EU QUERO – Procura-se o responsável pelo apoio midiático e discriminatório do governo do Estado. Apenas a Festa de Momo, de Corumbá, foi privil...
Proposta do Grupo Zahran é notícia em Goiás
BABADO GRANDE – Fevereiro começou com grande bomba em Goiás, com os rumores sobre a venda da mais antiga empresa de comunicação local. O Grupo Jaime ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions